test

Serviço de agendamento online de passaportes é restaurado pela Polícia Federal

A Polícia Federal (PF) anunciou a retomada do sistema de agendamento online para emissão de passaportes na última quarta-feira. O serviço havia sido interrompido temporariamente na quinta-feira, dia 18, devido a uma tentativa de ataque cibernético aos sistemas da instituição.

Durante o período de suspensão, a PF assegurou que todos os atendimentos agendados foram mantidos e realizados conforme o planejado. Com a atualização e reativação do sistema, os cidadãos já podem novamente agendar a emissão de passaportes através do site oficial da Divisão de Passaporte da PF.

A PF orienta que, em caso de dificuldades para acessar o formulário de agendamento, mesmo após a reativação do serviço, os usuários devem procurar o suporte técnico disponível no portal.

Para realizar o agendamento, é necessário preencher um formulário eletrônico com dados pessoais, escolher uma data e horário disponíveis e selecionar o local de atendimento desejado. No momento da visita, o requerente deve apresentar a documentação original, quando serão verificadas as informações e coletados dados biométricos, como impressões digitais e foto.

O passaporte será entregue na mesma unidade selecionada durante o agendamento online e não poderá ser alterada. A retirada do documento pode ser feita entre 6 e 10 dias úteis e deve ocorrer dentro de um prazo máximo de 90 dias corridos. Caso não seja retirado dentro deste período, o passaporte será cancelado e a taxa paga não será reembolsada.

O valor para a emissão de um passaporte comum é de R$ 257,25, podendo haver acréscimos em casos de urgência ou reimpressão de documentos extraviados ou ainda válidos.

Compartilhe

Leia também