test

Quando caminhar é diferente de apenas andar

Perder peso, melhorar o condicionamento físico, aliviar o estresse: para cada meta, uma técnica de caminhada

 

A caminhada é uma atividade versátil que oferece uma combinação única entre atividade física e lazer. É uma prática que permite encontrar o equilíbrio perfeito entre cuidar do corpo e desfrutar do momento. Tanto como uma atividade física estruturada quanto como lazer descompromissado, a caminhada proporciona inúmeros benefícios para a mente, o corpo e a alma.

Quando encarada como uma atividade física, a caminhada possibilita que as pessoas estabeleçam metas claras e melhorem o condicionamento físico. Ao seguir uma rotina regular de caminhadas, pode haver o aumento da resistência, o fortalecimento do sistema cardiovascular e até mesmo a perda de peso, se este for um dos objetivos. Por meio de programas de treinamento, como caminhadas rápidas, intervaladas ou em terrenos variados, o corpo é desafiado a superar limites e a atingir novos patamares de condicionamento físico.

O doutor em Ciências da Saúde, coordenador acadêmico do curso de Educação Física da Universidade Positivo e responsável técnico da academia UPX Sports, Zair Cândido de Oliveira Netto, explica o que é importante considerar ao escolher o tipo de caminhada. “As longas propõem uma maior ativação do sistema cardiovascular e metabolismo de gordura. Já as caminhadas curtas, em um ritmo maior, servem para obter melhores resultados fisiológicos.” Primeiro, é preciso definir o objetivo, se é perda de peso ou melhora do sistema cardiovascular. Para tanto, a condição deve ser avaliada por um médico antes de se iniciar os exercícios”, orienta.

Ele dá dicas e explica quais tipos de caminhadas se adequam melhor ao objetivo desejado.

 

Perda de peso

A caminhada é uma atividade que queima calorias, contribuindo para o controle e a perda de peso. Caminhar regularmente, seguindo uma alimentação saudável, pode ajudar a equilibrar o balanço energético e reduzir o peso corporal. “Como uma atividade aeróbica, a intensidade deve ser longa, de 40 minutos a 1 hora e 30 minutos. É importante observar a intensidade e a velocidade das passadas, pois essa aceleração vai aumentar o ritmo cardíaco e a ação muscular; o gasto calórico será o mesmo, porém, a caminhada acelerada melhora as capacidades fisiológicas, resultando em um efeito melhor no organismo”, orienta o médico endocrinologista do spa Estância do Lago, Fabiano Lago.

 

Reduzir os riscos de doenças

Quase todo mundo sabe que o sedentarismo pode comprometer a saúde, e que o exercício físico é benéfico do ponto de vista metabólico e cardiovascular. O que, porém, pouco se discute, é que para pessoas sedentárias, iniciar poucos minutos de exercício físico já reduz de forma substancial o risco relativo de doenças.

“Um recente estudo clínico bem conduzido mostrou que o risco de mortalidade de quem faz 15 minutos de caminhada é 10% menor do que quem não faz nada. O que isso quer dizer? Que sair do sedentarismo e fazer um pouquinho de caminhada já traz grandes benefícios à saúde, ” explica o endocrinologista.

 

Caminhada rápida

A caminhada rápida envolve manter um ritmo acelerado durante a atividade. É uma opção para aqueles que desejam obter um exercício cardiovascular mais intenso, aumentando a frequência cardíaca e o consumo de oxigênio. Realizar uma caminhada acelerada por cerca de 30 minutos pode trazer benefícios significativos para a saúde. “Nesse ritmo mais intenso, o corpo se esforça para suprir os músculos em movimento com o oxigênio necessário, resultando em um aumento da frequência cardíaca. Essa alteração traz uma série de benefícios para a saúde do sistema cardiovascular”, ressalta Oliveira Netto.

 

Fortalecimento muscular

Embora seja considerada uma atividade de baixo impacto, a caminhada trabalha vários grupos musculares. Com o tempo, esse fortalecimento contribui para os músculos das pernas, incluindo os quadríceps, os isquiotibiais, os glúteos e a panturrilha. “Esses músculos são responsáveis por manter a postura ereta durante a caminhada, ajudando a fortalecer o centro do corpo. Um corpo forte é essencial para a estabilidade, o equilíbrio e a prevenção de lesões.” explica o coordenador.

 

Caminhada em grupo

A caminhada em grupo é uma opção socialmente envolvente, na qual as pessoas se reúnem para caminhar juntas. Além de ser uma atividade física, ela promove interação social, motivação mútua e o estabelecimento de conexões sociais saudáveis. “Caminhar em grupo pode ser uma ótima maneira de tornar a atividade física mais agradável e sustentável”, ressalta Oliveira Netto.

“Ao incorporar tanto a abordagem estruturada quanto a recreativa, é possível desfrutar dos benefícios físicos, mentais e emocionais que a caminhada oferece. Ela proporciona um equilíbrio perfeito entre o cuidado com o corpo e a apreciação do momento, tornando-se uma prática que combina atividade física e lazer de forma harmoniosa. Ao caminhar, tanto a saúde física quanto o bem-estar mental são beneficiados”, finaliza.

Compartilhe

Leia também